1 de janeiro de 2011

A outra face do diamante


      A pedra preciosa que desperta a cobiça do mercado e a vaidade de muitos, é, também, a pedra da morte de tantos africanos. Estes nascem condenados ao esquecimento e a miséria. Presos no cárcere do racismo e da violência, milhares de africanos se tornam prisioneiros em sua própria nação. Entretanto, a África é um continente negro que foi saqueado e violentado por europeus e que não é de hoje que a mesma nega aos seus filhos e filhas o direito a uma vida digna. As guerras civis e as matanças que nela proliferam como um vírus, alimentam o lucro sombrio das fábricas de armas. O diamante que brilha reluzente feito enfeite de luxo, traz escondido em si o sacrifício de uma vida. Sua beleza superficial não reflete a dor de quem lhe fez parir, ainda em estado bruto, em alguma mina em Serra Leoa.    

       Abaixo está o vídeo "A outra face do diamante". 



Nenhum comentário: